Ênio Prieto e Esdras de Souza: dois saxofonistas influentes na Amazônia e no mundo!

Este breve artigo há de tratar a respeito de dois músicos que me inspiram como saxofonista desde que eu era criança; músicos que sempre podem ser apreciados e de diversas maneiras, de faixas que tocam em estações de rádios da Amazônia a apresentações ao vivo e em cores. Confira a matéria a seguir e saiba quem são esses dois grandes saxofonistas amazônidas.

Os Estados do Amazonas e Pará têm grandes representantes do saxofone, dentre os quais estão Teixeira de Manaus, Manezinho do Sax, Chiquinho David, Pantoja do Pará e tantos outros que consolidaram suas carreiras levantando a bandeira da cultura amazônica. Além dos citados anteriormente, há também outros mais jovens que tocam o saxofone com vigor e virtude. Dois desses jovens saxofonistas amazônicos são Ênio Prieto e Esdras de Souza.

Ênio Prieto

Saxofonistas Brasileiros - Ênio Prieto

Ênio Prieto é um músico manauara que dedica boa parte do seu tempo à prática do saxofone. Não é à toa que Ênio é atualmente um dos saxofonistas amazônicos mais respeitados no planeta, mesmo sem saber disso, às vezes. Prieto é um músico proativo e polivalente, pois, além de tocar saxofone é também um flautista dedicado, professor, maestro, arranjador e atual diretor musical da OBA – Orquestra de Beiradão do Amazonas. Ênio Prieto é um dos músicos mais requisitados nos estúdios de gravação do Amazonas e um dos maiores sidemans da Amazônia. Isso tudo e um pouco mais qualifica Ênio Prieto como um músico de grande competência e com experiência de sobra para representar o saxofone amazônida no mundo.

Esdras de Souza

Saxofonistas Brasileiros - Esdras de Souza

Esdras de Souza é outro músico magistral, também nascido na região norte do Brasil, na cidade de Belém do Pará. Assim como Ênio, Esdras é um músico muito requisitado, toca diversos instrumentos e é um dos músicos que mais produzem cultura na região amazônica. Esdras grava com vários artistas e toca em diversos grupos de Belém e de outras cidades do norte brasileiro, como Fruta Quente, Fafá de Belém, Nilson Chaves, Lucinha Bastos, Trio Manari e tantos outros. Atualmente se dedica ao trabalho com seu grupo, o Sax Driver, que tem um dos repertórios instrumentais mais variados dentre os grupos desse gênero na região norte.

Ambos os saxofonistas citados neste texto trazem com sigo uma carga de experiência adquirida como poucos habitantes da região norte, e, até o momento da publicação deste texto, sabe-se que Ênio Prieto e Esdras de Souza continuam a produzir mais e mais música, construindo assim um legado que há de perdurar durante as gerações futuras, como outros  saxofonistas amazônicos  de outrora o fizeram.

Tópico: Ênio Prieto e Esdras de Souza: dois saxofonistas influentes na Amazônia e no mundo!

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!